Cargos e Salários

Como convencer a empresa a adicionar novos benefícios ao trabalhador?

Employer RH
Escrito por Employer RH

Adotar uma postura em que há equilíbrio entre a lucratividade e a consciência social vem deixando de ser uma opção no mundo empresarial. É preciso lucrar para viver. Mas viver para gerar lucros, não levando em consideração os interesses dos públicos envolvidos em seu negócio, é fatal quando se trata de qualquer negócio.

Vivemos uma era em que o conhecimento e a capacidade de exercer impacto positivo na sociedade são valores reais. Empresas conscientes buscam pautar suas ações em propósitos mais elevados e alinhados aos stakeholders e assim gerar valor de forma integrada.

Mas como convencer a empresa que isso tem a ver com a adição de novos benefícios ao trabalhador? Confira nosso conteúdo que pode apoiá-lo neste desafio.

O futuro do trabalho

Pra começar, é preciso refletir que o expediente tradicional com oito horas (ou mais), em que a empresa tem total controle sobre a gestão do profissional, deve se tornar cada vez mais raro.

Tendências como liberdade, autogestão, conhecimento e significado já são realidade. Empresas que se adaptarem rapidamente terão mais chances de atrair talentos e conseguir mantê-los estimulados a realizar um trabalho de excelência.

Atualmente, significado é um elemento central no momento de decidir exercer ou não determinada função e o fator financeiro perde força no momento da tomada de decisão. Ter uma cultura sólida, inovadora e autêntica, que gera crescimento pessoal e realização profissional, será um dos fatores relevantes neste futuro e as empresas devem começar a se preparar desde já.

É preciso saber o que os talentos buscam

As relações profissionais têm mudado com o tempo, como mostra o vídeo All Work All Play, da Box 1824, consultoria especializada em pesquisa de tendências de comportamento e consumo.

A geração atual, conhecida como millennials ou geração Y, tem influenciado uma grande tendência: é preciso trabalhar com paixão e inspiração, aspecto que transcende aquela velha imagem de trabalho como sacrifício.

Despertar significado e prazer no trabalho é o que leva à satisfação e motivação intrínseca. Oferecer os benefícios certos ao trabalhador é importante nesta construção. Os meios para engajar e motivar os funcionários têm evoluído cada vez mais. As pessoas buscam um ambiente criativo e inovador, com espaço para colocar suas ideias em prática, crescer e se desenvolver.

Dicas para convencer a empresa

Quebrar o paradigma sobre a influência dos benefícios nos custos deve ser prioridade. Uma saída para convencer a gestão é comparar gastos com recrutamento, seleção, treinamento e fazer um paralelo com o investimento em benefícios ou aumentos salariais. Os benefícios representam uma enorme vantagem e excelente alternativa para melhorar a remuneração sem aumentar encargos de INSS e FGTS, por exemplo.

Por meio dos benefícios ao trabalhador, é possível despertar iniciativa, paixão e imaginação dos funcionários, conectando-os ao trabalho e à sua missão. As pessoas precisam acreditar que há espaço para crescer e se desenvolver e às empresas cabe tornar este trabalho cada vez mais significativo.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto de Ensino e Pesquisa – Insper e pela Hays, consultoria de recrutamento e seleção, atualmente 90% dos candidatos estão mais interessados nos recursos não financeiros ao continuar em uma organização ou considerar uma nova proposta. Este dado é altamente relevante ao avaliar o despertar coletivo. O que cabe às empresas?

1. Tenha cuidado com a saúde dos funcionários

É importante que as empresas ajudem seus funcionários a levar uma vida saudável e plena. Assim, eles terão mais energia para oferecer um excelente serviço e atendimento aos clientes, além de reduzir taxas de absenteísmo e insatisfação com o ambiente.

2. Promova a educação

Quando os profissionais estão mais capacitados, a empresa pode oferecer mais autonomia na tomada de decisão. É um ciclo virtuoso onde a empresa valoriza a importância da educação, apoia o funcionário em sua formação e, em contrapartida, eleva o patamar da gestão ao contar com uma mão de obra cada vez mais qualificada.

3. Crie um ambiente mais agradável

Com baixo custo, é possível transformar positivamente o ambiente e fazer as pessoas se sentirem mais a vontade para realizar um trabalho bem feito. Ter liberdade para se expressar, usar roupas confortáveis, investir no espaço físico. Como um terço de nossos dias são vividos dentro do escritório, como poderíamos tornar essa convivência e permanência maior e mais saudável?

4. Possibilite o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional

Este modelo que ajuda a fortalecer a confiança mútua já não é uma novidade em diversas organizações. Cada vez mais o ritmo de vida tem se acelerado. Proporcionar flexibilidade pode ser positivo para ambas as partes. A empresa reduz custos com energia e uso das instalações, o funcionário investe em produtividade para ter tempo para seus compromissos e sua vida pessoal. 

5. Pense fora da caixa

Até mesmo para poder contar com mais receptividade por parte da empresa, é importante lembrar que nem todo benefício vai gerar custos. Pelo contrário, eles podem até mesmo representar deduções e redução da folha de pagamento.

Com criatividade, é possível pensar em benefícios, oferecer mais qualidade de vida e manter a atratividade da empresa e função, sem gerar despesas. Parcerias são essenciais neste momento, já que ao unir forças e competências, projetos podem surgir e representar ganhos para todos.

O que importa aqui é colocar as pessoas em primeiro lugar: fazer com que se sintam valorizadas, encorajando-as a investir tempo, criatividade e envolvimento em seu negócio.

Benefícios ao trabalhador: característica de uma empresa consciente

Construir um negócio em que as pessoas se sintam motivadas a atingir metas e se dedicar genuinamente é um grande desafio.

Quando olhamos ao redor, parece que há muito medo e estresse nas equipes, preocupação com lucro, pressão do mercado e das constantes crises. Mas como mudar esta realidade?

O trabalho deve ser visto como mais que resultados financeiros no fim do mês, tornando-se estimulante, agradável e um ambiente saudável para as pessoas crescerem. Conhecer a fundo a estratégia da empresa poderá ajudá-lo no momento de convencer a alta gestão da necessidade de mudança e evolução.

Esteja munido de informações e pesquisas. Use empresas referência como exemplo e consultorias especializadas no momento de apresentar as ideias. Gostou das nossas dicas? Então, assine a nossa newsletter e tenha acesso a mais informações sobre benefícios ao trabalhador!

 

Sobre o autor

Employer RH

Employer RH

Fundada em 1986, a Employer RH é reconhecida pela excelência na prestação de serviços de contratação, gestão, terceirização, administração de mão de obra temporária e de estágios.
É uma empresa de RH que desenvolve projetos de software e serviços online e na nuvem para este setor, como: folha de pagamento, benefícios ao trabalhador, ponto eletrônico, painel do RH, banco de currículos e gestão de cargos e salários.
A matriz localizada em Curitiba, conta com o apoio de mais de 30 filiais que atendem empresas de médio e grande porte de todas as regiões do Brasil.

Deixar comentário.

Share This